Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

A caravana do IPCO começou

Breves: como conhecer o plano da Providência para si mesmo

São José de Cupertino nasceu em 1603 e morreu em 1668. Ele era um místico italiano cuja vida é uma maravilhosa combinação entre a completa incapacidade natural e a extraordinária capacidade de dons sobrenaturais.


Breves: como conhecer o plano da Providência para si mesmo

São José de Cupertino

Transcrevemos abaixo um comentário do Prof. Plinio a propósito da vida de São José de Cupertino, cuja festa hoje comemoramos.

Quem toca fora do plano da Providência, quanto mais eficiente mais erra, mais está fora do jogo, menos serve. Porque o próprio da eficiência é realizar a ordem e a ordem é a vontade de Deus. Não há outra eficiência.

De maneira que a pessoa deve se perguntar a si mesmo – para saber se é eficiente – se está sendo capaz de conhecer, de admirar, de amar e de executar a vontade de Deus a respeito de si.

E para fazer a vontade de Deus é preciso o seguinte: amar a Deus sobre todas as coisas e não se amar a si próprio; não ter apego para com suas próprias coisas. Quem assim atua, este é assistido pela graça. Este a Providência dispõe tudo para que realize os planos que Ela teve a seu respeito e fará milagres, se necessário for, para que chegue ao fim para o qual foi destinado por Ela nesta terra e na outra vida. De maneira que quando a gente pergunta se alguém é eficiente, isto equivale a perguntar se ama a Deus, se conhece os planos de Deus a respeito de si.

A eficiência, meus caros, consiste em estar nas vias de Deus e obter o auxílio de Deus para fazer a obra de Deus. Essa é a eficiência!  E por causa disso a primeira coisa que o homem deve procurar quando quer ser eficiente é perguntar-se: “É isto que Deus quer de mim?

Porque se não é isto que Deus quer de mim – segundo os decretos da Eterna Sabedoria – o que eu estou fazendo é revolta e asneira! Porque eu vou fazer uma coisa má e inútil. Para a causa dEle não vai adiantar nada; para a ordem do universo não adianta nada; para mim é ruim porque comprometo a salvação de minha alma e eu estrago a minha vida, pois esta consiste em fazer a obra de Deus.

Nós falamos outro dia do conceito de escravidão a Nossa Senhora. Que beleza! Isto é a vontade de Deus que se realiza em nós: é o homem bem sucedido por excelência! O homem eficiente por excelência é aquele que foi escravo de Nossa Senhora e fez a vontade dEla. Não tem outra coisa!

* * *

Que Nossa Senhora, pelos rogos de São José de Cupertino, nos conceda esta graça que é A graça, porque todo o resto não vale nada.

O artigo original pode ser acessado em pliniocorreadeoliveira.info

Detalhes do artigo

Autor

Nuno Alvares

Nuno Alvares

400 artigos

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!