Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

Cada Criança Que Nasce Vem Com Um Pão Debaixo Do Braço

Casal com 15 filhos em Granada supera dificuldades para sustentar a família confiando na provisão divina. Reconhece a importância de educação e valores.


Cada Criança Que Nasce Vem Com Um Pão Debaixo Do Braço

A municipalidade da Andaluzia premiou com um salário uma numerosa família da cidade de Granada que tem 15 filhos — a mais velha com 21 anos e o caçula com 14 meses. 

Pai e mãe (Cuevas Benítez, 47 anos, e Belén Benitez, 45 anos) com os filhos (Paloma, Daniel, Miguel, Esther, Rafael, Marcos, Fernando, Lucas, Santiago, Sofía, Elena, José, Alejandro, Alma e Javier) residem em uma casa de dois andares e se locomovem em duas vans. 

A numerosa família espanhola numa viagem de férias à ItáliaA numerosa família espanhola numa viagem de férias à Itália

Os pais não acham esquisita uma família tão numerosa, o que consideram esquisito é o fato de as famílias europeias atualmente não querem ter filhos ou apenas um. Eles confiam na providência divina nas dificuldades próprias a uma grande família, mas vivem harmonicamente e muito felizes. A casa sempre cheia é sempre uma alegria, disse Belén, que não trabalha fora para poder se dedicar exclusivamente à educação da prole. 

O Governo de Juanma Moreno justifica o prêmio à família: “educação dos seus filhos e filhas na convicção de que está contribuindo da melhor forma para o aumento demográfico e a mudança geracional. As famílias numerosas cumprem uma função social. E é importante que seja visível.” Infelizmente na Espanha atual há apenas 147 famílias com mais de 10 crianças. A respeito da recompensa, conhecida como “Prêmio Famílias Andaluzas”, Javier afirmou que “Sabíamos que, mais cedo ou mais tarde, seria a nossa vez. Há alguns anos premiaram alguns amigos. O reconhecimento não nos diz nada. São coisas nossas, é a nossa família e pronto. Não queríamos quebrar nenhum recorde nem nada. Eles fizeram questão de nos conceder e nós aceitamos. Parto do princípio de querem incentivar as famílias numerosas. Já estamos com os meios e todas estas coisas, o que nos custa um pouco de trabalho”. 

O casal, além dos trabalhos quotidianos, encontra tempo para ser catequistas na paróquia granadina da Virgen de las Angustias. 

Redes, tecnologias criam novas necessidades. Vemos como essencial comer todos juntos. Na hora do almoço, quando estamos reunidos, surgem algumas reclamações. O único que tem celular é o mais velho. As crianças não devem receber tudo o que querem. Hoje em dia tudo tem que ser imediato. Belén e eu recebemos outra educação. Damos a eles o que precisam, não o que pedem. Eles já estão vendo como alguns de seus colegas sofrem problemas para acessar, por exemplo, pornografia” — disse Javier numa entrevista.
El Mundo, 14-6-23

O heroico casal tem dificuldade para sustentar todos os filhos, mas sempre conseguem o necessário. Javier costuma dizer que “Cada criança que nasce vem com um pão debaixo do braço”.

Detalhes do artigo

Autor

Paulo Roberto Campos

Paulo Roberto Campos

218 artigos

Jornalista (MTB 83.371/SP), colabora voluntariamente com a Revista "CATOLICISMO" (mensário de Cultura e Atualidades) e com a "ABIM" (Agência Boa Imprensa).

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!

Artigos relacionados