Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

China policia a caridade e faz parceria com Consórcio Nordeste

O Consórcio Nordeste, envolvido em polêmicas anteriores, firma parceria com a China, comprando tratores e estabelecendo colaborações agrícolas.


China policia a caridade e faz parceria com Consórcio Nordeste

Caridade sob controle

Índice

  1. Atualizando Lei de 2016

Nova lei colocará todas as instituições de caridade na China sob controle policial, comenta BitterWinter. Veremos, também, como o Consórcio Nordeste (já conhecido pelos milhões gastos em respiradores que nunca exisitiram) faz parceria com a China … comprando tratores, firmando parcerias agrícolas com os estados petistas.

Bem conhecemos a amizade do PT com o PCCh, a viagem de numerosa e onerosa comitiva Lula à China levando em seu bojo até o lider-invasor Stédile. Aí está, quem é o amigo do PT: Xi Jinping que passa a controlar até a caridade … Ele é também amigo do Consórcio Nordeste.

Comecemos pelo controle policial da caridade e filantropia na China.

Atualizando Lei de 2016

O novo projeto não cria uma outra Lei de Caridade, mas altera a de 2016. Diz o Artigo 5:

Todo o trabalho de caridade deve ser colocado sob a liderança do Partido Comunista Chinês.

Em outras palavras, toda ação caritativa (incluída aqui a filantropia) passa a ser controlada directamente pela polícia e pela segurança pública.

As doações estrangeiras e qualquer relacionamento com contrapartes não chinesas devem ser previamente aprovadas pelo Departamento de Assuntos Civis no nível do condado ou acima dele. Estes Departamentos irão assim adquirir um poder considerável sobre instituições de caridade religiosas. Foi explicado que uma das preocupações que levaram à alteração da lei é que as instituições de caridade podem ser utilizadas por potências estrangeiras como veículos de espionagem.
BitterWinter [1]

Espionagem é arma usada pela China em Universidades americanas e todo o Ocidente. A China envia habitualmente estudantes e parte deles servem como clonadores de tecnologia de ponta. Veja os artigos em nosso Site. O Consulado chinês no Texas foi encerrado por ser centro de espionagem. A China usa o Programa Mil Talentos, os Institutos Confúcio como meios de penetração no Ocidente. Suborno e compra de cientistas e clonagem de tecnologia de ponta no Ocidente.

A preocupação da China é controlar tudo e as instituições de caridade entram agora, de modo mais eficaz — a noticia mostra bem isso — sob a feroz e implacável ditadura do PCCh.

* * *

Parceria Consórcio Nordeste-China

O Brasil é um País de agricultura e pecuária que causa admiração a todos os povos. É aqui que a China vem comprar alimento para seus 1.47 bihões de habitantes. Apesar da campanha das esquerdas contra o agronegócio (que se tornou escandalosa nas recentes provas do ENEM) o grande superávit de nossa balança comercial provém do campo.

Mas o Consórcio Nordeste — aquele mesmo que comprou quase 50 milhões em respiradores (era covid) que nunca apareceram, descuidando dos doentes no Nordeste — não acha nada melhor do que abrir parceria com a China comunista. Estão chegando 30 tratores; “MST e Consórcio Nordeste avançam em acordo com instituições chinesas que terá como marco inicial o envio de 30 máquinas”, celebra a notícia.

E a agricultura familiar desenvolvida nos Estados brasileiros do Sul há décadas?&nbsp;<b>[2]</b>E a agricultura familiar desenvolvida nos Estados brasileiros do Sul há décadas? [2]

Acordo com “Instituições chinesas”, num País onde se controla até a caridade (como vimos acima) beira o cinismo. Não há propriedade privada na China, o acordo é com o Partido Comunista.

A Embrapa é modelo mundial em tecnologia e pesquisas na agricultura. Mas, o Consorcio Nordeste prefere a China de Xi Jinping.

MST e China

A propaganda chinesa compra espaço no Ocidente. Temos mostrado isso em nosso Site.

No Brasil o acordo Band-China não é o único.

O artigo é uma apologia da China, elogia Mao, o Grande Salto para a Frente. Para justificar a parceria o artigo não poupa elogios ao regime de Xi Jinping. A China é colocada como modelo … de agricultura e cuidado com os camponeses.

É um intercâmbio de conhecimento em relação às políticas públicas, a China tem ultimamente sido uma referência no que diz respeito ao processo de fazer com que as políticas públicas cheguem às comunidades rurais.

Gostaria de saber quais são os acordos, ou pelo menos os entendimentos do Consórcio Nordeste com EMBRAPA. Terão procurado a Embrapa? Por que citam apenas a China como modelo?

Não é uma simples compra de tratores … é uma parceria. Será que os nossos bons nordestinos serão enviados a trabalhar na agricultura chinesa? Ou virão chineses comuniistas para o Nordeste? China, comunismo, espionagem são sinônimos.

O artigo cita Stédile que faz uma apologia da agricultura na China. Perguntar não ofende: Stédile já foi alguma vez um pequeno agricultor? Ou ele entende apenas de invasões a propriedades rurais?

* * *

A mesma China do PCCh que controla a internet, controla a caridade passa a ser pela boca dos simpatizantes esquerdistas do Brasil, um modelo de agricultura a ser aplicado no Nordeste.

Nossa Senhora Aparecida proteja o Brasil das garras do dragão comunista chamado PCCh.

Notas:

  1. Bitter Winter
  2. Brasil de Fato

Detalhes do artigo

Autor

León de La Torre

León de La Torre

261 artigos

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!

Artigos relacionados