Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

Oração (pelo Brasil) a Nossa Senhora do Bom Sucesso


Uma oração muito atual implorando a Nossa Senhora do Bom Sucesso que nos guie na confusão; seja no Brasil, seja no Ocidente, seja no seio da Santa Igreja onde a TL procura deturpar a sã doutrina.

***

“Ó Senhora do Bom Sucesso, que considerais com olhar maternalmente amoroso o Brasil, atentai para a desolação dos dias que correm, caracterizados por uma total confusão dos espíritos. Para onde se encaminha a Cristandade? Qual será o seu dia de amanhã?

Estas são perguntas a que ninguém ousa dar resposta.

A atual confusão atinge não apenas a esfera temporal, subvertendo a fundo os campos cultural, político, social e econômico, mas – ó dor! – penetra também na própria esfera espiritual.

Assistiremos já amanhã à explosão da terrível guerra que constituiria o desdobramento lógico desse caos? Ou veremos o mundo ocidental – para obter um simulacro miserável de paz – capitular vergonhosamente em face do inimigo mortal da civilização cristã, isto é, o comunismo?

Ó Senhora da Candelária! Colocados diante dessas aterradoras hipóteses, nossos corações se voltam para Vós, em busca de luz, socorro e alento. E nos persuadimos de quão oportuno é, para nós, recordar o que revelastes a uma filha escolhida vossa.

Em 1634, no Mosteiro da Conceição da cidade de Quito, no Equador, quando Sóror Mariana de Jesus Torres rezava diante do Santíssimo Sacramento, apagou-se subitamente a lâmpada que ardia no altar. Ao procurar reacendê-la, uma luz sobrenatural inundou a igreja. E vossa Voz se fez ouvir:

“Filha querida de meu coração, sou Maria do Bom Sucesso, tua Mãe e Protetora. A lâmpada que … viste apagar-se tem muito significado ….

“No século XIX – em seu término – e em grande parte do século XX, várias heresias se propagarão por estas terras, então república livre. Apagar-se-á nas almas a luz preciosa da Fé, por causa da corrupção quase total dos costumes. Nesse tempo haverá grandes calamidades, físicas e morais, públicas e privadas. O restrito número de almas nas quais se conservará o culto da Fé e das virtudes sofrerá um cruel e indizível padecimento, a par de prolongado martírio. ….

“Nesses tempos, a atmosfera estará saturada do espírito de impureza, o qual, à maneira de um mar imundo, correrá pelas ruas, praças e lugares públicos, numa liberdade assustadora, de tal modo que não haverá no mundo almas virgens. ….

“Os Sacerdotes se descuidarão de seu sagrado dever; perdida a Bússola Divina, se desviarão do caminho traçado por Deus ….

“Para libertar da escravidão dessas heresias, aqueles a quem o amor misericordioso de meu Filho Santíssimo destinar para esta restauração precisarão ter grande força de vontade, perseverança, coragem e muita confiança em Deus. Para pôr à prova nos justos, esta Fé e confiança, haverá momentos em que tudo parecerá perdido e sem possibilidade de andar. Então será o princípio feliz da restauração completa …. Terá chegado a Minha hora, na qual, de maneira magnífica e impressionante, destronarei o soberbo Satanás, colocando-o sob meus pés, acorrentando-o no abismo infernal, e libertando por fim a Igreja e a Pátria dessa cruel tirania (apud “El Ecuatoriano”, 4-4-1951).

Ó Mãe e Protetora nossa! Fazei com que, pela intercessão de Sóror Mariana de Jesus Torres e das beneméritas fundadoras do Mosteiro da Conceição de Quito, estas vossas palavras tragam orientação e segurança às almas que as lerem. Que, mais do que nunca, todos nos empenhemos em Vos invocar como Mãe do Bom Sucesso, na esperança de que assim apresseis para nós, perturbados e confundidos, o caminho de luz que, em meio às trevas, nos conduza a vosso divino e adorado Filho. Assim seja.”

***

Nesse 2 de fevereiro, 2023, rezemos especialmente à Ela para que conduza o Brasil ao Bom Sucesso e vença os inimigos da Religião e da Pátria.

Detalhes do artigo

Autor

Nuno Alvares

Nuno Alvares

400 artigos

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!