Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

Leve Esperança ao Sul: Ajude a Distribuir 50.000 Medalhas Milagrosas

Boa paz com boa guerra, quando necessária


.

A verdadeira paz não é a paz que reina nos cemitérios, onde não há vida. Só há boa paz em função de Deus e para tal é preciso estar preparado para a boa guerra, que consiste na batalha em Sua defesa; é preciso lutar pela paz. Nesse sentido seguem alguns pensamentos para refletirmos neste final de ano.

“Querer paz sem Deus é absurdo. Onde não há Deus, não há justiça. Onde não há justiça, em vão nutre-se a esperança de paz.”

(São Pio X)

.

“Lembra-te que neste mundo não temos tempo de paz, mas de contínua guerra. Teremos um dia a verdadeira paz, se combatermos na Terra.”

(São João Bosco)

.

“A paz de Nosso Senhor só se conquista na guerra.”

(Santa Joana d’Arc)

.

“Não há paz para os maus.”

(Isaías 48, 22)

.

“Deixo-vos a paz, dou-vos a minha paz. Não vo-la dou como o mundo a dá. Não se perturbe o vosso coração, nem se atemorize.”

(São João, 14, 27)

.

“Estar preparado para a guerra é um dos meios mais eficazes de preservar a paz.”

(George Washington)

.

“Em época de paz os filhos enterram os pais, enquanto em épocas de guerra são os pais que enterram os filhos.”

(Heródoto)

.

“O principal objetivo da guerra é a paz.”

(Sun Tzu)

Detalhes do artigo

Autor

Paulo Roberto Campos

Paulo Roberto Campos

217 artigos

Jornalista (MTB 83.371/SP), colabora voluntariamente com a Revista "CATOLICISMO" (mensário de Cultura e Atualidades) e com a "ABIM" (Agência Boa Imprensa).

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!

Artigos relacionados