Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

Leve Esperança ao Sul: Ajude a Distribuir 50.000 Medalhas Milagrosas

Lições da História: A Europa, o gás russo e a “equipe imprevidente”


“A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, pediu aos 27 estados membros da União Europeia que proíbam a importação de petróleo russo como parte do sexto pacote de sanções contra Moscou após a invasão russa da vizinha Ucrânia”, comenta TheEpochTimes.

“Agora propomos a proibição do petróleo russo. Esta será uma proibição completa de importação de todo o petróleo russo: marítimo e oleoduto, bruto e refinado. Garantiremos a eliminação gradual do petróleo russo de maneira ordenada, de maneira que permita a nós e nossos parceiros garantir rotas alternativas de fornecimento e minimizar o impacto nos mercados globais”. https://www.theepochtimes.com/european-commission-president-proposes-complete-ban-on-russian-oil-imports_4445910.htm

Saudamos essa corajosa afirmação: Libertar a UE das garras de Putin. Essa sempre foi a posição do Prof. Plinio em artigos para a Folha de São Paulo.

Confirma previsão de Dr. Plinio há 50 anos

A Equipe Imprevidente“, escrevia o Prof. Plinio para a coluna Tendências e Debates (Folha), em 1973, censurando os governos ocidentais, quando potentados árabes fecharam as torneiras do petróleo que abastecia a Europa e América. Por detrás dos árabes, a crescente influência da URSS, naquele tempo.

“A Equipe Imprevidente”

Vejamos esse trecho do artigo: “Em 25 de junho de 1972 – por exemplo – os leitores da “Folha” tiveram diante dos olhos um artigo que tratava do assunto, e do qual destaco apenas estas frases:

“Desde que corte o abastecimento do petróleo do Oriente Médio, a Rússia pode paralisar, de um momento para outro, quase todas as indústrias e transportes da Europa Ocidental.

“Tal medida vai sendo cada vez mais exeqüível (…) . Todo o petróleo do Oriente Médio poderá cair, em breve lapso de tempo, nas mãos dos soviéticos.

“Este é um dos “calcanhares de Aquiles” da Europa. (…)

“Não os escreveu um homem público, servido pelos meios de informação privilegiados de que dispõem os organismos oficiais.

“Escrevi-os com base no que sabe um leitor atento dos jornais.

“Como, então, tantos outros, na esfera pública e privada, não viram o óbvio?

O Prof. Plinio dá a razão desta imprevidência: “Ora, construir é agradável, e lutar, penoso.

E – grosso modo – os mentores do Ocidente se esquivaram a esse desagradável labor”, de prever. https://www.pliniocorreadeoliveira.info/FSP%2073-12-02%20A%20equipe%20I.htm

As viagens de Nixon à Rússia e à China

O Mundo Livre assistiu a uma das maiores imprudências (para não dizer traições) quando o ex presidente Nixon iniciou sua detente com os países comunistas, em 1971. Em 1972, a concretização do Acordo de Xangai, foi comentada pelo Prof. Plinio na Folha: https://www.pliniocorreadeoliveira.info/FSP%2072-03-12%20Yalta.htm como sendo uma Munique multiplicada por Munique.

O Ocidente, o Japão entre outros despejaram tecnologia, dólares, fábricas na China. A “equipe imprevidente” julgava assim adocicar os comunistas russos e chineses … A História mostrou que a China industrializada transformou-se no maior inimigo do Ocidente.

Quanto à Rússia, mesmo extinta a Cortina de Ferro, continua a ser o açoite e a chantagista contra a UE dependente do petróleo e gás transiberiano.

Alemanha constroi o gasoduto transiberiano em 1981

Notícia do Estado de São Paulo, 1981: “Depois de mais de um ano de difíceis negociações, a Alemanha Ocidental e a União Soviética firmaram ontem, em Essen, o acordo pelo qual a URSS venderá aos alemães 12 bilhões de metros cúbicos anuais de gás natural siberiano, através de um gasoduto de 4.800 km concluído com tecnologia alemã ocidental”.

Na época, o presidente Reagan tentou convencer o governo de Helmut Smith do risco em depender do gás da URSS. Ofereceu uma alternativa que a Alemanha recusou.

Comentou o Prof. Plinio que “O governo norte-americano fez grandes esforços para dissuadir a Alemanha Ocidental do acordo, com argumentos de que a compra de gás russo aumentará a dependência dos países europeus em relação a URSS”.

Os fatos comprovam, com a invasão da Ucrânia em 2022, mais uma vez que uma “equipe imprevidente” governa o Ocidente.

A URSS repete a lição com a Lituânia, 1990

Com efeito, logo após a declaração de independência (da Lituânia) Moscou iniciou uma política de pressões sobre Vilnius. Em 15 de março de 1990, o Parla­mento da URSS considerou ilegal a ata parlamentar de independência. Uma semana depois, os edifícios públicos e os principais jornais da capi­tal lituana foram ocupados por tropas soviéticas. Os representantes do Kremlin impuseram ainda um bloqueio econômico à Lituânia e cortaram o fornecimento de petróleo e gás ao país. https://www.pliniocorreadeoliveira.info/Bio_200510_PCOeLituania.htm

A Pandemia do coronavírus mostrou a loucura na dependência da China

Europa, Estados Unidos, Austrália, Japão manifestaram seu desejo de desvincular-se das manufaturas chinesas. Nosso Site abordou diversas vezes esse saudável acordar das Nações Livres e o desejo de libertar-se das garras de Pequim. https://ipco.org.br/ainda-os-males-da-china-pcch-o-ocidente-precisa-acordar/

Levarão a sério esse propósito? Ou, novamente, a “equipe imprevidente” vai preferir adiar a independência e continuar confiando nos comunistas chineses?

E o Brasil em tudo isso? Por que não somos autosuficientes em uns tantos pontos?

***

A Invasão da Ucrânia e a chantagem da Rússia

A invasão da Ucrânia (que resiste heroicamente) pelas tropas de Putin, a ameaça deste sobre a UE dependente do gás e petróleo russo, nos fazem lembrar as advertências do Prof. Plinio, desde 1972 à equipe imprevidente: Rússia pode paralisar, de um momento para outro, quase todas as indústrias e transportes da Europa Ocidental. “Ora, construir é agradável, e lutar, penoso.”

A Alemanha financiou e construiu o gasoduto transiberiano acreditando na boa vontade dos comunistas russos. Putin usa, 2022, o petróleo e gás contra a UE.

Fala-se tão acertadamente contra o Globalismo. O Prof. Plinio sempre foi antiglobalista. Os trechos que citamos acima provam o acerto das advertências feitas por ele, através da imprensa.

Como deve proceder o Brasil, longe dos erros da equipe imprevidente? Explorar nossos recursos naturais, caminhar para a não dependência. Relações internacionais, independência, autonomia, soberania. Nosso Brasil será grande sendo fiel à Santa Cruz, aos princípios morais, à Lei Natural.

Nossa Senhora Aparecida preserve o Brasil dessa imprevidência que corroi os países ocidentais.

Detalhes do artigo

Autor

Marcos Machado

Marcos Machado

477 artigos

Pesquisador e compilador de escritos do Prof. Plinio. Percorreu mais de mil cidades brasileiras tomando contato direto com a população, nas Caravanas da TFP. Participou da recuperação da obra intelectual do fundador da TFP. Ex aluno da Escola de Minas de Ouro Preto.

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!

Artigos relacionados