Portal do IPCO
Plinio Corrêa de Oliveira
IPCO em Ação

Leve Esperança ao Sul: Ajude a Distribuir 50.000 Medalhas Milagrosas

Oração de Ester e o lockdown de igrejas; live do Prof. Hermes Nery


No Brasil, governadores e prefeitos se julgam no direito de fechar igrejas, impedindo o livre exercício do culto católico. Uma analogia de situação — não se trata de identidade — nos traz à mente a Adaptação da Oração de Ester, divulgada no Congresso de propandistas de Catolicismo, 1961. (*)

Censurada: a excelente live do Prof. Hermes Nery, uma entrevista sobre a questão da pandemia do novo coronavírus e a instrumentalização da covid 19 com o intuito de mudar a sociedade — censurada pelo youtube — pode ser acessada aqui: https://www.facebook.com/watch/live/?v=1195093347574930&ref=watch_permalinkhttps://www.facebook.com/watch/live/?v=1195093347574930&ref=watch_permalink

Outro link para acesso à live: https://www.bitchute.com/video/pcH4wrbEARfQ/

Como relata a Sagrada Escritura, Ester (rainha judia) implorou ao rei persa Assuero em favor dos judeus, a fim de livrá-los de um massacre. A fidelidade, a coragem, a confiança no Deus Verdadeiro, que animavam a Rainha Ester, obteve a clemência do Rei.

***

Adaptação da Oração de Ester à Cristandade perseguida

“Meu Senhor, Vós, que sois o único Rei, socorrei-nos, a nós abandonados, e que não temos outro auxílio fora de Vós. Nosso perigo é iminente. Ouvimos contar a nossos pais que Vós, ó Senhor, tomastes a Cristandade dentre todas as nações, e nossos pais dentre todos os seus maiores, para os possuirdes por herança eterna, e procedestes com eles como tínheis prometido. Nós, porém, pecamos na vossa presença, e por isso nos entregastes nas mãos de nossos inimigos. Justo sois, ó Senhor.

“Mas agora eles já não se contentam com oprimir-nos com uma duríssima escravidão, senão que, atribuindo ao poder dos seus ídolos a força das suas mãos, pretendem desmentir vossas promessas, destruir vossa herança, fechar a boca dos que vos louvam, e extinguir a glória do vosso templo e do vosso altar, a fim de abolir toda lei, destruir toda hierarquia e instaurar o reino de Lúcifer.

“Não entregueis, Senhor, o vosso cetro aos servidores de vosso Inimigo, àqueles que são nada, para que não escarneçam de nossa ruína; mas voltai contra eles os seus projetos. Lembrai-Vos de nós, Senhor, mostrai-nos a vossa face no tempo de nossa tribulação e dai-me força, Senhor, Rei dos reis e de todas as potestades; ponde em minha boca palavras adequadas na presença dos iníquos, e mudai-lhes o coração de modo que aborreçam o vosso Inimigo, ou, senão, confundi-lhes os desígnios. Livrai-nos com a vossa mão, e socorrei-me, a mim que não tenho outro auxílio senão Vós, Senhor, que conheceis todas as coisas e sabeis que aborreço a glória dos maus.

“Deus forte sobre todos, ouvi a voz daqueles que não têm esperança senão em Vós, livrai-nos da mãos do iníquos, e me livrai-me a mim do meu temor. Amém.”

***

Analogia não é identidade de situações históricas. Nós, católicos, tivemos por dois anos consecutivos, em muitíssimas igrejas, a supressão do culto público durante a Semana Santa, Páscoa e essa situação anormal continua por injunção de prefeitos e governadores. Com todo propósito podemos recitar essa Adaptação da Oração de Ester.

Veja aqui as considerações do Prof. Hermes Nery sobre a Pandemia mostrando as incongruências anticientíficas do lockdown civil e eclesiástico: https://www.facebook.com/Inst.PCO/videos/1195093347574930

(*) Ester 14-3. Adaptação da Oração de Ester, publicada no Preces Pro Oportunitate Dicende, distribuída no Congresso Latino Americano de propagandistas do jornal Catolicismo, 1961.

Detalhes do artigo

Autor

Outros autores

Outros autores

427 artigos

Categorias

Tags

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Tenha certeza de nunca perder um conteúdo importante!

Artigos relacionados